A três semanas da abertura a Expoagro Afubra já movimenta o parque de Exposições Hainsi Gralow, localizado em Rincão Del Rey, Rio Pardo. Por todo o lado operários se envolvem na montagem dos estandes e nos cuidados com as lavouras demonstrativas.

Nesta edição a mostra agropecuária voltada ao pequeno agricultor concentrará uma série de novidades. Além de técnicas envolvendo o cultivo das mais diferentes variedades, o evento vai enfocar ações voltadas à busca de fontes de renda para o homem do campo. Dentre elas estão a geração de energia e a diversificação da propriedade com incentivo à agroindústria, principalmente nas pequenas áreas.

Na programação também foram incluídos debates envolvendo o turismo rural, empreendedorismo e desenvolvimento regional sustentável. Esse novo aspecto, de acordo com o coordenador-geral da feira, Marco Dornelles, tem como objetivo abrir os debates em torno da diversificação e também da melhoria das condições de vida do agricultor em geral.

Para completar essa proposta, as palestras técnicas também continuam na programação. Embora em menor quantidade do que em anos anteriores, elas foram organizadas com o propósito de apresentar inovações aos visitantes. Dentre elas está a Agrocenários 2008–2030, na qual o consultor Antônio Sartori vai falar sobre as perspectivas para o campo. Além dessa, serão apresentadas seis conferências envolvendo desde a agroindústria da mandioca até nutrição animal com resíduos da cana-de-açúcar. “Todas essas atrações foram organizadas com a intenção de levar ao público novidades envolvendo a agricultura”, salientou.

A programação com os dias e horários dessas atividades deve ser divulgada na semana que vem. Antes disso, segundo o coordenador, existe a necessidade de confirmar a agenda de todos os palestrantes.

PÚBLICO E NEGÓCIOS

Esta será a oitava edição da Expoagro Afubra, considerada uma das principais feiras agropecuárias do Brasil. A previsão dos organizadores é atrair durante os três dias cerca de 40 mil visitantes. Para isso, salienta Dornelles, a divulgação do evento está sendo intensificada em todo o Estado, com convites aos prefeitos e também jantares de lançamento, realizados em cidades-pólo. Na semana passada a governadora Yeda Crusius confirmou presença na cerimônia de abertura. Outro político convidado é o ministro do Desenvolvimento Agrário, Guilherme Cassel.

Uma boa expectativa em torno da feira deste ano envolve os negócios na agricultura familiar. Embora considere cedo para projeções, o coordenador espera atingir o recorde verificado em 2007, quando foram obtidos R$ 5 milhões em negócios nos três bancos instalados no parque. Afora esse volume foram prospectados negócios que acabaram se efetivando no decorrer do ano. A edição de 2008 deve contar com 250 expositores instalados em uma área de 30 hectares.

NOVIDADES
Em oito anos a Expoagro Afubra se mantém em constante crescimento. A cada edição as melhorias podem ser vistas em todo o parque localizado às margens da BR–471, em Rincão Del Rey. Em 2008 não vai ser diferente. Além dos tradicionais espaços para os expositores em área coberta haverá uma ala para a agroindústria e mais lavouras demonstrativas nas quais os visitantes poderão conhecer técnicas de cultivo. Um dos destaques ficará por conta da mostra agropecuária, na qual serão expostos exemplares de bovinos, ovinos e caprinos. Para acomodar os animais o galpão localizado aos fundos do parque teve sua área construída duplicada.

De acordo com o responsável pelas lavouras demonstrativas, Rodrigo Silveira, todas as mudanças visam oferecer melhores condições de acomodação ao público. Afora essa infra-estrutura foi erguido mais um conjunto de banheiros no parque e o restaurante terá um espaço externo para as refeições. “Foram melhorias que objetivam tornar o ambiente mais agradável ao público”, completou. No caso das plantações, ressalta que o crescimento foi satisfatório, principalmente por causa das chuvas regulares ocorridas no período de desenvolvimento das plantas.