O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento aprovou, através da Portaria nº 4, de 8 de janeiro de 2008, publicada nesta sexta-feira (11), no Diário Oficial da União, o zoneamento agrícola para a cultura de trigo (Triticum aestivum L.) para o Estado de Mato Grosso do Sul, ano-safra 2007/2008. Segundo o documento, conforme o tipo de solo, região e município, a semeadura da cultura deverá ocorrer entre os dias 11 a 20 de fevereiro e 1º a 10 de maio.

Segundo o Levantamento Sistemático da Produção Agrícola do IBGE, na safra 2006/07, o trigo ocupou uma área de 31,7 mil hectares no Estado, e entre os seis maiores municípios produtores estão: Ponta Porã, com 7 mil hectares, Dourados com 5,5 mil, Sidrolândia com 4 mil, São Gabriel do Oeste com 2 mil e Aral Moreira e Laguna Carapã, ambos com 2 mil hectares.

De acordo com a nota técnica publicada pelo Mapa, a cultura do trigo sul-mato-grossense encontra nos déficits ou excessos hídricos e a ocorrência de geadas, os seus maiores fatores de riscos, e, em especial, o excesso de chuva na colheita e a ocorrência de geada ou seca na fase de espigamento.

O zoneamento agrícola de risco climático para o Estado identificou as cultivares de ciclo superprecoce, precoce e de ciclo médio para a cultura. Outras informações e a relação dos municípios aptos ao cultivo e períodos indicados para semeadura, estão especificadas e disponibilizadas no endereço eletrônico www.agricultura.gov.br, ou, na Coordenação-Geral de ZoneamentoAgropecuário, localizada na Esplanada dos Ministérios, Bloco D, 6º andar, sala 646, CEP 70043-900 – Brasília – DF.