Empresários e lideranças políticas de Rio Verde receberam o governador André Puccinelli nesta manhã (31) para o lançamento da planta industrial do Frigorífico Margem, voltada ao abate de suínos e fabricação de ração, e que também vai fomentar a criação de 15 mil matrizes. A cerimônia está acontecendo desde às 9 horas, no parque industrial da empresa.

O governador está acompanhado dos deputados Waldemir Moka e Osvaldo Mochi Junior, do prefeito Mário Kruger, do superintendente federal de Agricultura em Mato Grosso do Sul, Orlando Baez, e do superintendente de Indústria e Comércio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo (Seprotur), Jonathas Camargo. Juntamente com a inauguração do projeto, o governo oficializou o acordo de benefícios fiscais concedidos por meio do programa MS Empreendedor.

No mesmo local, André firma, daqui a pouco, convênio com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), garantindo investimentos de R$ 400 mil em recursos federais oriundos de emenda parlamentar, mais 10% de contrapartida estadual, para obras de esgotamento sanitário no município de Rio Verde. O coordenador regional da Fundação, Flávio Brito, e o presidente da Sanesul, José Carlos Barbosa também assinam o convênio.

Frigorífico

O projeto da nova planta industrial do frigorífico Margem tem investimento de R$ 5 milhões. A unidade está localizada no parque industrial da empresa, na BR 163.

O frigorífico já conta com Selo de Inspeção Federal (SIF), estando, portando, apto a exportações. A previsão de geração de empregos é de 400 postos de trabalho diretos e outros dois mil indiretos, reforçando a expectativa de consolidação do processo industrial na região norte, além de colocá-la como principal pólo produtor de suínos do Estado.