Ações conjuntas para a erradicação da febre aftosa serão discutidas em Caracas, entre 18 de janeiro e 1º de fevereiro, por técnicos do Brasil e da Venezuela. A medida foi anunciada nesta terça-feira (15-01) pelo ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, durante encontro com o presidente do Conselho Nacional da Pecuária de Corte, Sebastião Costa Guedes, e o presidente do Grupo Interamericano para Erradicação da Febre Aftosa, Phil Bradshaw.

Além de se encontrarem com autoridades sanitárias venezuelanas, os brasileiros discutirão as relações comerciais entre os dois países. A missão será chefiada pelo secretário de Relações Internacionais do Agronegócio, Célio Porto, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).