A superficie mundial de trigo para a próxima campanha aumenta 3% relativamente à campanha anterior, segundo as estimativas publicadas no relatório de Janeiro do Conselho Internacional de Cereais (IGC na sigla inglesa).

Na União Europeia aumentou a área semeada 5%, enquanto que na Rússia o aumento foi de 6,7% e nos EUA de 3,6%.

Se se verificar uma campnha normal, o IGC estima que a produção poderia chegar ao número recorde de 642 milhões de toneladas, 40 milhões mais que a campanha anterior. As condições das sementeiras são boas na Europa e um pouco piores na Rússia onde fazxia falta mais neve para proteger as culturas das geadas.

Nos EUA prevê-se uma descida da superfície de milho de 5% a favor das sementeiras de soja e trigo, embora isto depende da evolução dos mercados nos próximos meses.