Nesta segunda-feira a arroba do boi continua com preço cotado entre R$ 68 a R$ 70, para pagamento em 30 dias. O maior preço pago desde inicio do ano. Para a arroba da vaca a variação também é a mesma da semana passada: entre R$ 58 e R$ 62.

O frigorífico Bertin, de Naviraí, região sudoeste do estado, compra a arroba do boi, a prazo, por R$ 70 e à vista, por R$ 68,70. Para a vaca, o preço varia de R$ 62, a prazo, e R$ 60,70, à vista. Os dois maiores preços pagos pelo boi e a vaca na região.

Em Campo Grande o frigorífico Friboi paga pela arroba do boi R$ 69, a prazo, e R$ 67, à vista. Já quanto às fêmeas, o preço está cotado entre R$ 60, a prazo, e R$ 58, à vista.

Na região leste do Estado, o frigorífico Marfrig, de Bataguassu, paga pela arroba do boi rastreado, no prazo de 30 dias, R$ 68 e R$ 66,60 à vista. Para arroba da vaca o valor da compra varia de R$ 62, a prazo, e R$ 60,70, à vista.

Em Anastácio a arroba do boi rastreado é comprada a R$ 68 com prazo de 30 dias, e R$ 66 à vista, pelo frigorífico Independência. Já pela arroba da vaca o preço, a prazo, está cotado a R$ 58 e à vista, R$ 56.